agonia
portugues

v3
 

Agonia.Net | Regras | Mission Contato | Participar
poezii poezii poezii poezii poezii
poezii
armana Poezii, Poezie deutsch Poezii, Poezie english Poezii, Poezie espanol Poezii, Poezie francais Poezii, Poezie italiano Poezii, Poezie japanese Poezii, Poezie portugues Poezii, Poezie romana Poezii, Poezie russkaia Poezii, Poezie

Artigo Comunidades Concurso Crônica Multimídia Pessoais Poesia Imprensa Prosa _QUOTE Roteiro Especial

Poezii Romnesti - Romanian Poetry

poezii


 

Textos do mesmo autor


Traduções deste texto
0

 Comentários dos membros


print e-mail
Visitas: 1284 .



Despedida de mutantes
poesia [ ]

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
por [Duquinho ]

2010-02-05  |     | 






Antonio Carlos Duques 30.07.07


Olheia-as uma ultima vez, alma vazia,
Década de vida travestida em vestígios de memórias,
Ileana, fractal cósmico, lágrimas lavando-nos segredos.
Fabiana, lago sensório, ficção imóvel de Menina,
Permanecer ou fugir, desesperar ou morrer,
Tudo apagado por completo.

Naquele dia eramos personagens de livro sem etiquetas,
Sexo silenciado pelas mágoas do mundo,
Obsessões candentes pacificadas em realismo,
Lembranças não têm pressa, fundamos um romance,
Historias de mundos nascentes em lábios de crianças,
Tudo exaltado por completo.

Gritos de amores proibidos, iluminaram divindades iradas,
Rock, literaturas invasivas, arquiteturas de mutantes,
Confinamentos rompidos, e muros e fronteiras,
Lábios rasgados em conluios de seres livres,
Agora somos apenas fantasmas ou engenheiros do porvir,
Tudo dor por completo.

Mais um rito sagrado, ablução em cabelos negros,
Mãe erótica de deusas sensuais a povoar gargalhadas,
Crítica, sátira, deboche, ora! o mundo entende seus cadáveres!
Carícias, notas de sinfonias orgânicas, orquestras de êxtases,
Cláudia, teus seios libertam feitiços comoventes,
Todos nós, teus filhos por completo.

Nigromantes enlouquecidos a garimpar horrores do passado,
Artes das obscuridades construindo lendas futuras,
Profetisas a desvendar mistérios seculares,
Tudo escrito em nossas mãos atadas em sonhos.
Hora de partir! Pé na estrada! Voemos aos infinitos!
O amanhã nos aguarda, amantes por completo!

.  |










 
poezii poezii poezii poezii poezii poezii
poezii
poezii Portal de Literatura, Poesia e Cultura. Escreva e desfrute os artigos, crônicas, prosa, poesia clássica e concursos. poezii
poezii
poezii  Busca  Agonia.Net  

A reprodução de qualquer material sem a nossa permissão é estritamente proibida.
Copyright 1999-2003. Agonia.Net

E-mail | Regras para publicação e de privacidade

Top Site-uri Cultura - Join the Cultural Topsites!