agonia
portugues

v3
 

Agonia.Net | Regras | Mission Contato | Participar
poezii poezii poezii poezii poezii
poezii
armana Poezii, Poezie deutsch Poezii, Poezie english Poezii, Poezie espanol Poezii, Poezie francais Poezii, Poezie italiano Poezii, Poezie japanese Poezii, Poezie portugues Poezii, Poezie romana Poezii, Poezie russkaia Poezii, Poezie

Artigo Comunidades Concurso Crônica Multimídia Pessoais Poesia Imprensa Prosa _QUOTE Roteiro Especial

Poezii Romnesti - Romanian Poetry

poezii


 

Textos do mesmo autor


Traduções deste texto
0

 Comentários dos membros


print e-mail
Visitas: 1310 .



Todos Nós, Crianças
poesia [ ]

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
por [Duquinho ]

2010-02-09  |     | 



TODOS NÓS, CRIANÇAS


Antonio Carlos Duques - Madrugada de 11 de Abril de 2007


Entre muros de submissão,
Confinamento de limites arcaicos
Nossos beijos não se tocam,
Preceitos malandros roubando vidas,
Flores plantadas não nascem,
Arranjos obscuros dos medos dos nossos avós,
Senzala, prisão, hospício, empresa, cafua, família.´

Velhos axiomas dos fantasmas de sangue do passado,
Do fundo das almas a perseguir fronteiras,
Morte a todo humor! A todo laço orgânico!
Tudo uniforme, frio, fixo, triste, sedentário,
Paranoias da fuga ao prazer, janelas do horror,
Despedimo-nos sem apertos de mão, sem bater a porta,
Lei, falta, lacuna, conformidade, castração.

Círculo de blindagens invisíveis dos tempos,
Histórias de vidas a corromper sem cantos,
Crianças são dígitos, deletem suas almas,
Do sertão do Nordeste ao Malawi, morremos juntos,
Abraços negros a judeus, palestinos, Vila de Sta. Luzia, Brasília Teimosa,
Eguns! Meus Eguns do Maranhão, Bahia, Rio de Janeiro, salvai-nos!
Axioma, dogma, algoritmo, crenças, lixos da opressão.

Mudar a realidade sem perseguir arco-íris,
Libertar todos da tirania, mesmo a mais amena,
Fazer do beijo incondicional a pátria dos libertos,
Implodir armadilhas, velhas categorias das máquinas,
Dessacralizar o amor, torna-lo nômade, sem revoltas,
Apaixonar-se pelo excesso, extinguir toda herança,
Unir todas as bocas, corpos, sexos, sonhos, todos nós crianças!

.  |










 
poezii poezii poezii poezii poezii poezii
poezii
poezii Portal de Literatura, Poesia e Cultura. Escreva e desfrute os artigos, crônicas, prosa, poesia clássica e concursos. poezii
poezii
poezii  Busca  Agonia.Net  

A reprodução de qualquer material sem a nossa permissão é estritamente proibida.
Copyright 1999-2003. Agonia.Net

E-mail | Regras para publicação e de privacidade

Top Site-uri Cultura - Join the Cultural Topsites!